29/06/2022 (21) 979164559

Geral

 Sanitiza Express 728x90 - L0cal - 1

Hospital Alberto Torresregistra aumento de 40% nos atendimentos a vítimas de acidentes de trânsito

Por Redação 17/05/2022 às 07:15:58

Apesar de diversas campanhas de prevenção aos acidentes de trânsito, o Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), em São Gonçalo, contabilizou, somente nos quatro primeiros meses deste ano, 1921 atendimentos provenientes de eventos com colisão entre veículos, queda de moto, capotamento e atropelamento. O número é quase 40% maior do que o mesmo período de 2021 - com 1324 ocorrências. Segundo os medicos, o consumo de álcool antes de pegar no volante e o uso do celular estão entre as causas dos acidentes.

Atento ao crescimento do número de ocorrências em sua emergência, o Heat aderiu, mais uma vez, à mobilização do Maio Amarelo, campanha que tem como objetivo chamar a atenção sobre o respeito e a responsabilidade no trânsito. A intenção do movimento internacional, que está no oitavo ano, é conscientizar para a redução de acidentes.

--Temos que frear estes números. São acidentes que podem ser evitados. Diariamente homens, mulheres, jovens, idosos e crianças entram nas emergências com diversas contusões, lesões ou ferimentos em várias partes do corpo, que demandam cuidados especializados, além de exames de imagens e intervenções cirúrgicas. Muitos saem bem, outros com graves sequelas, mas alguns não sobrevivem -- explica o médico Marcelo Pessoa, coordenador do Centro de Trauma do Heat.

O coordenador garante ainda que o simples respeito às principais regras de trânsito, como não utilizar o celular, não fazer ultrapassagem perigosa e misturar bebida e direção, ajudariam a diminuir significativamente o número de ocorrências. "Os acidentes de trânsito são a quarta causa de mortes no país".

Na estatística dos acidentes está o casal Letícia Leven de Vasconcelos, 27 anos, e Guilherme Barros, 36, que sofreu acidente de moto em abril do ano passado na BR-101, na Via Duques. Após a queda, eles ainda foram atropelados por um carro, que segundo as vítimas, fugiu do local sem prestar atendimento. Socorridos pelo Corpo de Bombeiros, foram levados para o Heat, onde passaram por cirurgia. Letícia perdeu parte da perna esquerda e Guilherme dois dedos e músculos da perna.

"Fomos socorridos para o Hospital Alberto Torres e recebemos todo o atendimento necessário, além de muito amor e carinho por parte dos funcionários. Estamos na Campanha Maio Amarelo para deixar o nosso depoimento e pedir mais prudência no trânsito. Muitos acidentes, como o nosso, podem ser evitados", garantiu o casal.

O alto índice de acidentes de trânsito, além de lotar as emergências e as enfermarias, também impacta diretamente no banco de sangue do hospital. Somente em 2021, foram necessárias 6.749 bolsas de sangue para suprir a necessidade de transfusão no atendimento aos pacientes. Esse quadro se agrava ainda mais durante os feriados prolongados e nos finais de semana.

O crescimento de casos de acidente de trânsito também gera crescimento no número de atendimentos no ambulatório de pós operatório. No ano passado foram cerca de três mil consultas e procedimentos nos quatro primeiros mesesu. Neste ano, o número saltou para cerca de cinco mil. A maioria dos atendimentos é para ortopedia e neurocirurgia.

Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo. Lembrando que apenas administradores podem enviar mensagens.

Curta nossa página no Facebook é só clicar no botão


Comunicar erro
Comentários