29/06/2022 (21) 979164559

Polícia

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO do WhatsApp -728x90 - Topo do Site - Local 1 e 2

Polícia Federal realiza operação contra fraude no INSS

Por Redação 20/05/2022 às 07:40:48

Foto: Divulgação

Nesta quinta-feira (19) a Polícia Federal deflagrou a operação Mística com o objetivo de desarticular esquema criminoso de fraudes contra o Instituto Nacional de Seguridade Social - INSS, na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro.

Na ação, os policiais federais cumpriram *mandado de prisão preventiva e de busca e apreensão* na residência de um homem, de 60 anos, em Belford Roxo/RJ, expedido pela 4ª Vara Federal de São João de Meriti/RJ, que também determinou a *suspensão cautelar dos benefícios previdenciários identificados como objeto de fraude.

A investigação, iniciada em 2020, aponta que *o preso usava documentos falsos para dar entrada em benefícios do INSS. Além da prisão preventiva, os policiais federais *apreenderam diversos documentos de identidade, CPFs, certidões de óbito e de nascimento, cartões magnéticos, impressoras, chips, celulares, notebook, pendrives, scanner e outros instrumentos* que serviam à falsificação.

De acordo com o INSS, identifica-se a existência de pelo menos 30 (trinta) benefícios fraudulentos, dentre os quais destacam-se pensões por morte e benefícios assistenciais ao idoso, com *prejuízo estimado de cerca de meio milhão de reais.

O investigado responderá pelos crimes de falsificação de documento público , uso de documento público falso, receptação de documentos provenientes de furto e roubo, petrechos de falsificação e estelionato previdenciário.

O nome Mística faz referência à *personagem do universo X-Men que se tornou mestre em criar novas identidades* e mentir para garantir sua sobrevivência, transformando-se em outra pessoa para enganar e alcançar os seus objetivos espúrios. Enquadra-se nas condutas criminosas praticadas pelo investigado.

Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo. Lembrando que apenas administradores podem enviar mensagens.

Curta nossa página no Facebook é só clicar no botão

Comunicar erro
Comentários