29/06/2022 (21) 979164559

Geral

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO do WhatsApp -728x90 - Topo do Site - Local 1 e 2

Comissão da Alerj acompanha caso de intolerância religiosa durante show do pastor Felippe Valadão em Itaboraí

Por Redação 20/05/2022 às 19:26:39

Foto: Reprodução

A Comissão de Combate às Discriminações da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) vai receber, na próxima segunda-feira (23/05), representantes de templos de religiões de matriz africana de Itaboraí que denunciaram caso de intolerância religiosa, ocorrida durante um show gospel na noite de quinta-feira (19/05). O encontro será no gabinete do presidente do colegiado, deputado Carlos Minc (PSB), na sede da Alerj. A intenção é acompanhar o desdobramento do inquérito policial.

"Repudiamos esse tipo de atitude. Somos um Estado laico, e defendemos que seja dada oportunidade a todas as religiões de se manifestarem em uma comemoração, principalmente no aniversário da cidade", afirmou Minc.

A comissão da Alerj notificou a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) e o Ministério Público sobre falas do pastor Felippe Valadão, da Igreja Lagoinha, consideradas ofensivas e ameaçadoras contra praticantes desses cultos. Também oficiou o prefeito da cidade, Marcelo Delarole, pedindo explicações. O show era parte das comemorações dos 189 anos do município.

A comissão orienta as vítimas de intolerância a realizarem boletim de ocorrência nas delegacias. A Alerj aprovou a Lei 7.855/18 que determina que conste dos boletins de ocorrência a tipificação específica de Intolerância Religiosa, como medida para melhor enfrentamento desses crimes.

Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo. Lembrando que apenas administradores podem enviar mensagens.

Curta nossa página no Facebook é só clicar no botão

Comunicar erro
Comentários