19/06/2024 (21) 979164559

PolĂ­tica

OFERTAS NA SHOPPE - local1

Relator vota a favor da cassação e inelegibilidade de Cláudio Castro, mas julgamento é adiado após pedido de vista

Ação no TRE aponta corrupção no Ceperj e na Uerj.

Por Wanessa Dias 17/05/2024 às 21:25:50

Foto: Reprodução

Receba notícias do São Gonçalo RJ no seu Whatsapp e fique por dentro de tudo! Basta acessar o grupo: Clique aqui!

O relator dos processos que investigam abuso de poder econômico e político relacionados às folhas secretas do Ceperj e da Uerj, desembargador Peterson Barroso Simão, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ), votou nesta sexta-feira (17) pela cassação dos mandatos do governador ClĂĄudio Castro, do vice-governador Thiago Pampolha, e do presidente da Alerj, deputado Rodrigo Bacellar.

O julgamento, que começou por volta das 14h, foi suspenso após o desembargador Marcello Granado solicitar um pedido de vista. A nova sessão estĂĄ agendada para a próxima terça-feira (23). Na retomada, os sete desembargadores da corte decidirão se seguirão ou não o voto do relator, que apontou irregularidades no Ceperj e na Uerj ao longo de 2022.

Além de ClĂĄudio Castro, também estão sendo julgados o vice-governador Thiago Pampolha (MDB), o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deputado Rodrigo Bacellar (União Brasil), e outros dez réus.

O desembargador Simão votou pela cassação dos mandatos de ClĂĄudio Castro, Thiago Pampolha, e Rodrigo Bacellar, além de decretar a inelegibilidade de Castro e Bacellar por oito anos, a partir das eleições de 2022.

Existem duas ações que pedem a cassação do mandato de todos os acusados. Uma delas é assinada pelos procuradores regionais eleitorais Neide Cardoso e FlĂĄvio Paixão, da Procuradoria Eleitoral do Ministério Público Federal. A outra foi apresentada pela coligação 'Vida Melhor', que teve Marcelo Freixo como candidato ao governo do estado em 2022.

Segundo a denúncia, os acusados cometeram "ilícitos eleitorais de abuso de poder político, econômico e condutas vedadas (...), a fim de utilizar a mĂĄquina pública, à exclusiva disposição dos investigados, para obter vantagens financeiras ilícitas com recursos públicos e lograr ĂȘxito na reeleição ao Governo do Estado, nas Eleições Gerais de 2022".

---

São Gonçalo RJ reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsĂĄvel e que vocĂȘ pode confiar.

Siga o São Gonçalo RJ no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade. Leia também o São Gonçalo RJ através do Google Notícias


Comunicar erro
ComentĂĄrios
Acompanhantes Goiania