17/01/2022 (21) 979164559

Política

 Sanitiza Express 728x90 - L0cal - 1

Audiência Pública debate sobre empreendedorismo e educação popular em São Gonçalo

Secretário de Gestão Integrada e Projetos Especiais se reúne com Coletivos e sociedade civil

Por Redação 27/11/2021 às 06:20:30

Foto: Divulgação

A Secretaria de Gestão Integrada e Projetos Especiais participou da audiência pública para debater e dialogar com representantes e membros do Coletivo Ressuscita São Gonçalo, contando com a participação de representantes da Casa Fluminense, Empreenda São Gonçalo e Escritoras Vivas, na manhã desta sexta-feira (26), na Câmara dos Vereadores de São Gonçalo, tendo como tema 'Diálogos 2030 São Gonçalo".

Com a plenária cheia de representantes da sociedade civil, o evento traduziu-se em um debate democrático para falar sobre empreendedorismo feminino, educação e segurança alimentar para a população de São Gonçalo. O foco era debater formas de garantir o acesso e investimento em atividades culturais para desenvolvimento pessoal de jovens e crianças e a criação de bibliotecas no município, disponibilizando o livre acesso à leitura.

O secretário municipal de Gestão Integrada e Projetos Especiais, Douglas Ruas, destacou as principais iniciativas do governo.

"A ideia do Espaço Raul Veiga, em Alcântara, partiu do prefeito Capitão Nelson, e estudamos os impactos que esta intervenção iria causar no trânsito. O governo está trabalhando no local e vai abrir espaços para que os vendedores tenham um lugar digno para trabalhar, deixando o espaço livre para pedestres. A ideia do prefeito é identificar outros espaços para que possam ser criados nos moldes do Espaço Raul Veiga, para impactar o empreendedorismo na cidade de São Gonçalo" disse Douglas Ruas.

Em relação à Educação, o secretário pontuou que o prefeito já designou à Subsecretaria de Planejamento Educacional para que apresente um detalhamento de ações para atender a algumas demandas.

"Temos desenvolvido um projeto de salas digitais nas escolas, que deve estar sendo implementado logo no início do ano. E, além disso, contratamos recentemente um software de gestão educacional para que possamos informatizar todos os dados dos alunos que ainda são registrados em papel. Esse software já está sendo implantado. No próximo ano, esse será o primeiro ano letivo que iremos contar com essa ferramenta de gestão inovadora, que irá nos auxiliar e entender todo o processo de educação e o que precisa ser corrigido", afirmou o secretário.

Ainda durante o evento, Douglas Ruas explicou quais ações estão sendo feitas para que as crianças e jovens do município tenham fácil acesso a uma educação de qualidade.

"Já existe uma proposta do prefeito que já está sendo desenhada pela Subsecretaria de Planejamento Educacional, que é a a implantação de pelo menos cinco unidades com ensino integral na cidade. Estamos pensando em pelo menos uma unidade por distrito e avaliando que o primeiro distrito precisa de mais mobilidade para garantir mais acesso à população, então é provável que tenhamos seis unidades no município.

Douglas ainda lembrou que a Secretaria de Educação tem trabalhando na implantação de salas de leitura nas escolas, mas que já existe um esboço para o desenvolvimento de uma biblioteca no prédio do Centro Cultural Joaquim Lavoura.

A sessão foi presidida pelo vereador Romário Régis e a mesa composta pelo secretário Douglas Ruas; a subsecretária de Gestão Integrada e Projetos Especiais, Gabriela Bessa; o vereador Professor Josemar, Yonara Costa, da Escritoras Vivas; Jennifer Dias, do Ressuscita São Gonçalo; Henrique Silveira, da Casa Fluminense e a Erica Assis, do Empreenda São Gonçalo.

Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui e participe do nosso grupo. Lembrando que apenas administradores podem enviar mensagens.

Curta nossa página no Facebook é só clicar no botão

Comunicar erro
Comentários