17/05/2024 (21) 979164559

Cidades

OFERTAS NA SHOPPE - local1

Supermercados racionam venda de arroz por conta de tragédia no RS

Medida foi adotada, em um primeiro momento, de forma preventiva, já que ainda tem estoque do produto

Por Redacao 09/05/2024 às 08:25:08

Foto: Reprodução

As recentes chuvas intensas no Rio Grande do Sul têm desencadeado uma série de transtornos em diversas partes do país, e agora estão afetando até mesmo a disponibilidade de produtos básicos nos supermercados. Relatos de estabelecimentos em São Paulo, Minas Gerais e Paraná indicam que alguns supermercados estão começando a restringir a oferta de arroz, limitando o número de unidades por cliente.

Receba notícias do São Gonçalo RJ no seu Whatsapp e fique por dentro de tudo! Basta acessar o grupo: Clique aqui!


A medida, que visa ser preventiva, está sendo adotada mesmo com os estabelecimentos ainda possuindo estoques do produto. "Senhores clientes... Devido às fortes chuvas no Estado do Rio Grande do Sul, os fornecedores estão limitando a venda de arroz a 5 unidades por pessoa", informava um aviso aos consumidores.

Até o momento, não há informações sobre a aplicação dessa restrição em supermercados do Rio de Janeiro. No entanto, a medida é uma resposta direta à importância do Rio Grande do Sul na produção nacional de arroz, sendo responsável por cerca de 70% da produção do país. Além do arroz, o estado também é um fornecedor significativo de soja, milho, leite e derivados, além de proteínas animais.


Essa situação destaca a vulnerabilidade da cadeia de abastecimento diante de eventos climáticos extremos e ressalta a necessidade de medidas preventivas e de gestão eficaz para garantir o fornecimento estável de alimentos básicos à população.

---

São Gonçalo RJ reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga o São Gonçalo RJ no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade. Leia também o São Gonçalo RJ através do Google Notícias

Comunicar erro
Comentários